Buscar
  • Jorge Barros

Reflexão sobre o Dia da Compreensão Mundial

Texto da colega Bárbara Crespo, da página @BiCrespoNoCaminho

Cada um de nós caminhantes é único e vários ao mesmo tempo! Neste dia 17 de Setembro, celebramos o Dia da Compreensão Mundial. A data tem o objetivo de conscientizar as pessoas sobre uma das principais características que a humanidade precisa desenvolver para viver em harmonia no planeta: a compreensão. Gosto muito de resgatar a origem das palavras para entender o que significam. Ao pesquisar pela etimologia, compreensão vem do termo latino comprehensione. Formado por COM, “completamente” ou “contiguidade, companhia”, e PHERENSIO, do verbo PREHENDERE, “agarrar, prender”. Portanto, podemos entender a palavra Compreensão com o sentido de “agarrar totalmente” ou “apreender em companhia”. Ao olharmos no dicionário, temos algumas definições como: - Capacidade ou habilidade de entender ou perceber o significado de algo; entendimento; percepção; - Vontade de compreender as emoções, os sentimentos ou os atos de alguém; tolerância. Compreensão está intimamente ligada em me aproximar e conhecer a pessoa, respeitando as suas diferenças. Existem sentimentos, pensamentos, necessidades e atitudes diferentes que nos diferenciam. E, quando falamos em conhecer e respeitar que temos diferenças, me vêm à mente os temas Diversidade e Inclusão. Talvez porque nunca esses temas foram tão discutidos como hoje em dia. Meu querido mano Jorge Barros da Fator Diversidade me esclareceu em um papo que tivemos em uma live recente que “A diversidade acontece quando você realiza o reconhecimento, respeito e a valorização das diferenças”. Para ele, a valorização precisa acontecer em todos os sentidos, indo do afetivo até à condição social e financeira da pessoa. Ele fez uma diferenciação entre os temas que fez muito sentido para mim: “Enquanto a diversidade tem a ver com a forma como você trata a outra pessoa, a Inclusão se relaciona com a forma que a outra pessoa se sente tratada, como ela se sente na relação”. Espero que aproveitem essa breve reflexão e que, de alguma forma, ela alcance vocês, Caminhantes! Torcendo para que possamos evoluir nessa habilidade humana, pois afinal, precisamos DEMAIS de e DE MAIS Compreensão!

Bábara Crespo, da página No Caminho (@bicresponocaminho)




10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo